Categorias
Carreiras - Construção e Transição

As cinzas da Quarta-Feira de Cinzas

O Carnaval veio e foi embora e é hora de avaliar os ganhos e perdas desse momento de muita descontracão e, porque não dizer, de exageros. Alguns exageram na comida, outros na bebida, outros ainda no sol, alguns no comportamento, enfim, sair da regra parece ser uma coisa natural a fazer no período. Seja qual for o item no qual você exagerou, é importante saber que as consequências são inevitáveis e as correções serão necessárias.

A Quarta-Feira de Cinzas encontrou você de ressaca, você dormiu muito, tomou muita água, curtiu uma certa dorzinha de cabeça, certo? Quinta você voltou ao trabalho, ainda meio distraído, contando aos colegas que se divertiu muito, sem saber bem porque alguns sorrisos parecem meio estranhos. Hoje é sexta, seu cérebro está normal, portanto vamos ver que cinzas o fogo carnavalesco deixou e vamos remover rapidinho, antes que isso se transforme num problema.

Eu, por exemplo, comi demais, tomei sol demais e sei que tenho que fazer um regime sério a partir de hoje – já comecei – e tenho que tratar da pele e do cabelo. Chequei as fotos postadas no Facebook, as que recebi por email, falei com as pessoas que estavam comigo para ter certeza de que não fiz alguma bobagem.

Você já tomou esse tipo de providência? Ela é importante, especialmente em se tratando de comportamento em público. Não pense em deixar passar muito tempo porque os desastres podem acontecer sem você nem se dar conta. Na alegria da festa, entre os amigos, muitas vezes parece natural beber além da conta, cantar mais alto que todo mundo, dançar numa animação de dançarino profissional. Da mesma forma, no meio da noite, na animação, postar fotos no Facebook ou enviá-las por email é uma farra.

Você pode não ter prestado a devida atenção, mas seu novo amigo, que não o conhece muito bem, ao ver o quanto você está animado, pode confundir um pouco as coisas e postar sua foto no Facebook com o copo na mão, o cabelo desgrenhado, a roupa desalinhada. Em resumo, uma imagem completamente incompatível para quem trabalha num austero escritório de advocacia, por exemplo. Ou para quem está esperando a promoção para gerente de recursos humanos daquela empresa super conservadora. E aÍ?

Bem, confirmado o desastre, saia juntano as cinzas o mais rapidamente posssível. Se for você quem postou fotos “erradas” em algum site de relacionamento, apague imediatamente. Não tem como evitar quem já viu, mas evite que outras pessoas vejam.

Se um amigo postou fotos suas, envie um email ou telefone e peça para retirar, numa boa. Fale que estava num momento de muita descontração, que saiu um pouco do seu natural, que as imagens não têm a ver com você.  Se foi algum desconhecido, não tem jeito, pedir para cancelar pode ser pior, fique na sua.

Sua melhor amiga está com cara triste para o seu lado? Aquele seu parceiro do futebol nem cumprimentou você quando o encontrou no elevador? Trate de descobrir que desaforo rolou e peça desculpas imediatamente, se foi você quem fez a ofensa. Se você foi o ofendido e o outro não teve a grandeza de se desculpar, mesmo assim, diga para deixar de lado, esquecer. Desculpe e seu gesto será eternamente lembrado como generoso.

Em qualquer caso, nos próximos dias abuse do comedimento, faça as pessoas esquecerem possíveis incidentes com comportamento sóbrio, dedicação total a suas tarefas. Deixe para aceitar convites para festas daqui a uma semana, por exemplo, não cosolide fama de baderneiro. E relaxe, pois as pessoas esquecem rapidamente e seu excelente desempenho no trabalho vai contar mais pontos do que seu momento descontraído no Carnaval. Ainda bem que cinzas são fáceis de limpar…

 

Por Maria do Carmo Marini

Há dez anos trabalhando com pessoas, seu desenvolvimento e o que elas querem dizer ao mundo, minha formação eclética me levou a viver experiências profissionais mais lúdicas e generosas . Escrevo artigos e livros, além de produzir conteúdo moderno, bem fundamentado e num visual extremamente prazeroso para clientes de diferentes segmentos.
Faço parte de uma tribo otimista e alegre e acredito que o mundo tem potenciais inexplorados e fascinantes a serem descobertos. Considero a família – marido, filhos, netos, irmãs e irmãos – meu porto seguro. Curiosidade e paixão pela vida me fazem aprender e buscar coisas novas sempre. Adoro gente inteligente e elegante. Viagens, cinema e livros me encantam, bem como encontrar os amigos para compartilhar boa comida e boa bebida. Estou sempre disposta a compartilhar experiências, conhecimentos e estórias.

Minha formação viaja de Engenharia Elétrica, passa por Consultoria de Carreira e Desenvolvimento de Pessoas, e mais umas coisinhas. Passo a vida a aprender, o que me permite produzir conteúdo de qualidade e compartilhar informações interessantes nas mídias sociais. Tenho especialização em Comunicação Corporativa pela FGV, Curadoria do Conhecimento pela Inesplorato e pós-graduação em Consultoria de Carreira pela FIA-USP. Sou parceira estratégica do Escritório de Carreiras da USP.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s