Categorias
Carreiras - Construção e Transição

Perder poder na empresa: está difícil enfrentar?

Boa parte das pessoas que conheço (inclusive eu mesma) passou por aquele terrível momento de perder poder dentro da empresa. É o inferno na terra e faz com que qualquer um se questione sobre sua capacidade profissional, seu futuro, suas relações com os outros, enfim, o mundo desmorona um pouco. Uma gerente que perde o cargo numa reestruturação, um diretor que precisa aceitar uma posição de assessor para não perder o emprego, a secretária do presidente que é “promovida” para a área de recursos humanos ou comunicação, todos esses são exemplos de perda de poder comuns em qualquer empresa.

Por mais que você diga a si mesma que está melhor assim, não acredita. E, olha, muitas vezes você está mesmo melhor, mas só vai descobrir quando se firmar na nova posição e perceber que as pessoas reconhecem sua capacidade para fazer o que está fazendo e está se saindo muito bem. Tenha certeza de que a última pessoa que vai reconhecer isso é você mesma.

Bem, se você perdeu poder e não pode ou acha que não pode pedir demissão e recomeçar em outro lugar, saiba que terá que passar por todas as etapas da perda. Só depois começará a adquirir um novo poder, baseado em novas conquistas, com vitórias sofridas e outras verdades aprendidas. Portanto, terá que trabalhar muito para chegar lá novamente.

Para começar se, no seu cargo antigo, você era bem vista, considerada alguém cooperativa, que respeitava os outros, inteligente, bom caráter, vai ser mais fácil se reerguer. Se você abusava de seu poder, tratava as pessoas com pouca consideração, não tinha a estima e simpatia dos seus colegas, vai ser muito mais difícil. Em ambos os casos, você terá que fazer um esforço enorme de humildade e pedir ajuda para quem está na sua nova área há mais tempo.

Vale a pena pensar em fazer terapia ou recorrer a um coach (não é puxar brasa para minha sardinha, tenha certeza) que poderá ajudá-la a descobrir potenciais adormecidos e esquecidos e a dar uma turbinada na sua imagem. Um curso de especialização ou um curso curtinho relacionado à nova atividade vai mostrar que você veio disposta a consolidar sua posição na área. Acreditar em você mesma, na sua capacidade de superar obstáculos, vai lhe dar a força necessária para dar a volta por cima. Entretanto, se não conseguir lidar com a necessidade de reconquista, procure outro emprego, mesmo que seja de menos importância. Em outra empresa você será uma desconhecida, uma surpresa, sem precisar explicar aos amigos e aos inimigos o que você está fazendo ali.

Por Maria do Carmo Marini

Há dez anos trabalhando com pessoas, seu desenvolvimento e o que elas querem dizer ao mundo, minha formação eclética me levou a viver experiências profissionais mais lúdicas e generosas . Escrevo artigos e livros, além de produzir conteúdo moderno, bem fundamentado e num visual extremamente prazeroso para clientes de diferentes segmentos.
Faço parte de uma tribo otimista e alegre e acredito que o mundo tem potenciais inexplorados e fascinantes a serem descobertos. Considero a família – marido, filhos, netos, irmãs e irmãos – meu porto seguro. Curiosidade e paixão pela vida me fazem aprender e buscar coisas novas sempre. Adoro gente inteligente e elegante. Viagens, cinema e livros me encantam, bem como encontrar os amigos para compartilhar boa comida e boa bebida. Estou sempre disposta a compartilhar experiências, conhecimentos e estórias.

Minha formação viaja de Engenharia Elétrica, passa por Consultoria de Carreira e Desenvolvimento de Pessoas, e mais umas coisinhas. Passo a vida a aprender, o que me permite produzir conteúdo de qualidade e compartilhar informações interessantes nas mídias sociais. Tenho especialização em Comunicação Corporativa pela FGV, Curadoria do Conhecimento pela Inesplorato e pós-graduação em Consultoria de Carreira pela FIA-USP. Sou parceira estratégica do Escritório de Carreiras da USP.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s